sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Beleza interior


Beleza é exaltada pelos poetas
Procurada pelos artistas
Relegada a poucos na face da terra...
Beleza parece ser a porta que todos buscam
Mas poucos hão de possuir a chave!

Isso não é mais do que o simples retrato da beleza...
- e como há de ser bela, poucos hão de ver seu interior...

Um belo vaso sem uma rosa, não há de ser mais que um belo vaso...
Um belo vaso com uma rosa sem perfume não há razão de ser...
A beleza despreza o verdadeiro germe do “sui generes”
A beleza esconde o deserto temível que há em volta do oásis...

A beleza é fraca, e corrompe os olhos dos que não sabem ler com a ponta dos dedos
- e com o coração!
A beleza atraiçoa, como as asas de um inseto peçonhento!

Quadros atraentes ao olhar humano escondem seu rico valor,
Não por serem belos, mas intrigantes ao olhar humano!
A perturbação é inimiga da beleza
A profundidade é seu algoz...
As margens de um belo rio são silenciosas, assim como as almas daqueles que ela arrastou, sedenta!

Há de ser mais belo a figura silenciosa de uma jovem que soluça aos prantos...
Ou de uma modelo que sorri aos paparazzis?

O belo não está nos olhos de quem vê...
A beleza está morta, isolada em tristes padrões humanos, assim como falsas idéias
De saúde, riqueza ou felicidade...
Expostas em vitrines quais mercadorias,
Bitoladas ao simples prazer de desejar, conquistar e possuir!

A beleza horroriza os puros d’alma
Pois estes não buscam um espelho, mas compreensão!
A beleza faz de tolos, sábios, e repudia qualquer flagelo de subjetividade!
A beleza se confunde com a lascívia!
A beleza é uma avaria, num oceano de mártires!

Poucos hão de ver teu interior, beleza, pois o mundo não passa de um espelho raso,
Que não capta mais do que nossa imagem editada pelos que menos compreendem do sentir,
Rejeitando a negação de regras e (pré) conceitos!

És bela por ser feia, beleza!

Um comentário:

Fєrnαndєz ♠♠ disse...

Quem não tem sua beleza interior? Seria muito legal se todos a reconhecessem.
Adoro esse texto, é bem profundo.